domingo, 18 de janeiro de 2009

Pai espanca filha de três anos no Alto da Bondade

Uma criança de apenas três anos foi vítima de violência doméstica. A menina mora com os avós maternos no Bairro do Recife Antigo, mas foi passar o final de semana com os pais no Alto da Bondade, em Olinda. A agressão teria acontecido na noite deste sábado (17), mas, segundo a polícia, a mãe, que tem 20 anos, só prestou queixa contra o companheiro, de 19 anos, na Gerência da Criança e do Adolescente (GPCA), neste domingo. Ele foi acusado de espancar a filha quando estava "drogado".

A vítima foi agredida a tapas, ponta-pés e até com um cabo de vassoura. Mesmo desfalecida, o pai ainda acordou a menina e chutou ela várias vezes. A mãe também foi agredida. Ela fugiu e pediu ajuda através do Ciods e vizinhos. A garota foi socorrida em estado grave ao Hospital da Restauração (área central do Recife). O delegado plantonista da GPCA, Ademir Cândido registrou a ocorrência e encaminhou mãe e filha para exame de corpo delito no Instituto de Medicina Legal (IML). O acusado está foragido.



Por Rose Maria, da Redação do DIARIO DE PERNAMBUCO


http://www.diariodepernambuco.com.br/nota.asp?materia=20090118124454

Um comentário:

silvaneide disse...

porque voçês não coloca fotos em assim não presta