segunda-feira, 5 de janeiro de 2009

Barulho, sujeira e trânsito na beira-mar de Olinda incomoda moradores

“Estacionam dos dois lados (da rua). É inviável tentar passar pelo meio. Não há policiamento do tráfego”, reclama a psicóloga Ana Helena Cavalcanti, moradora da região

Da Redação

Som alto dos carros, desorganização dos vendedores ambulantes, falta de respeito ao trânsito e acúmulo de lixo na areia e calçadas. A praia de Casa Caiada, em Olinda, lembra tudo, menos sossego. Nos fins de semana, moradores as região reclamam da agitação e desorganização na área.

“Estacionam dos dois lados (da rua). É inviável tentar passar pelo meio. Não há policiamento do tráfego”, reclama a psicóloga Ana Helena Cavalcanti, moradora da região. Já para a moradora Conceição Amorim, dona de casa, o barulho é o principal problema nos finais de semana. “Às vezes, às 6h da manhã, nós acordamos porque as pessoas vêm e colocam som alto. Nesse horário, a gente não tem a quem recorrer”, afirma.

A orla de Olinda também sofre com a ocupação dos vendedores ambulantes. As calçadas da beira-mar em Casa Caiada são tomadas por mesas, cadeiras e churrasqueiras para assar galetos. E a sujeira da comida se junta com a falta de banheiros públicos na área.

Nota da prefeitura

A prefeitura da Olinda enviou uma nota esclarecendo sobre os problemas na praia de Casa Caiada. De acordo com o governo, o Departamento de Serviço Público disponibiliza dez banheiros químicos nas imediações do flat Quatro Rodas até as proximidades do supermercado Bompreço.

Em relação à limpeza das ruas, a prefeitura garante que a coleta – que é feita diariamente, sobretudo no período da noite – é intensificada durante o Verão. Ainda de acordo com a prefeitura, o trânsito na região é fiscalizado por agentes de segunda a domingo, trabalho intensificado nos fins de semana.




pe360graus - PE

2 comentários:

jackson disse...

Meus amigos o que esta acontecendo aki em Olinda parece que passou um furacao a av Presidente Kennedy parece com aquelas av do Iraque. Prefeito sei que o senhor gosta muito de sua familia de Maceió mais por favor. minimize a situaçao do povo de Olinda no qual elegeu o senhor prefeito desta cidade.

jackson disse...

Caixa Dágua bairro de grandes tradições sem representante esta entregues as baratas buracos,galerias obstruidas,lixo canos estourados cadê o poder publico so lembram nas eleições isso tem que acabar o povo nao tem culpa. nem tão pouco os carros.