domingo, 11 de novembro de 2007

Galos de briga viram almoço

Galos de briga viram almoço para pacientes do Hospital do Câncer

Vinte e cinco galos de briga apreendidos pelo Ibama em uma rinha clandestina, em Olinda, vão parar na panela. As aves servirão de almoço para cerca de 300 pacientes do Hospital do Câncer.

O destino dos animais, que foram apreendidos há mais de um mês, foi decidido pela Justiça na tarde da última quinta-feira (8). A determinação judicial dizia que os galos deveriam ser doados e abatidos ainda nesta quinta e, em apenas uma hora, a intimação foi cumprida: os galos foram parar na cozinha do hospital.

A pressa foi para evitar que os antigos donos conseguissem uma liminar na Justiça para reaver os galos e continuar com as rinhas. Para eles, as aves são valiosas e podem chegar a custar até R$ 5 mil. É a refeição mais cara que os pacientes do hospital já tiveram.

“Vamos fazer o almoço da próxima semana. Depois de tratados, vou verificar o peso dos animais e fazer guisado. Dá para alimentar cerca de 300 pessoas”, conta a nutricionista do Hospital do Câncer, Isabel Cristina Leal.

da Redação do pe360graus.com

http://pe360graus.globo.com/noticias360/matLer.asp?newsId=109173

Um comentário:

Nildo disse...

tirraram os galos dos maltratos e agoram estao mortos