domingo, 31 de maio de 2009

Semana do Meio Ambiente de Olinda terá exposições e filme

Eventos começam nesta segunda-feira e seguem até a próxima sexta-feira, nas comunidades e no Centro de Educação Ambiental; veja a agenda

Da Redação do pe360graus.com


De 1º a 5 de junho, Olinda recebe exposições, palestras e filmes em comemoração à Semana do Meio Ambiente. As ações acontecem nas comunidades e no Centro de Educação Ambiental, na Estrada do Bonsucesso, a Semana do Meio Ambiente. Na ocasião, serão apresentados e expostos os projetos voltados diretamente para a educação ambiental.

Com a temática Contribuição do Município na Preservação e Conservação do Meio Ambiente, a ação tem como objetivo promover a exposição dos trabalhos voltados para as questões ambientais realizadas no município e sensibilizar as comunidades com palestras voltadas para as práticas adequadas de educação ambiental.

A Semana do Meio Ambiente vai oferecer exposições das ações e projetos desenvolvidos e executados no município em prol da conservação e preservação do Meio Ambiente, palestras nas comunidades envolvendo práticas adequadas de Educação Ambiental com temáticas relacionadas às Mudanças Climáticas e Aquecimento Global e várias outras atividades. Veja a programação:

Segunda-feira (1º), às 19h
Onde: Rio Doce
Ação: Filme educativo - Debate

Terça-feira (2), às 19h
Onde: Bultrins
Ação: Filme educativo - Debate

Quarta-feira (3), às 19h
Onde: Caixa D'Àgua
Ação: Filme educativo - Debate

Quinta-feira (4) e sexta-feira (5), das 9h às 12h e das 13h30 às 16h30
Onde: Centro de Educação Ambiental - Espaço Bonsucesso

9h e 13h30 - Abertura da exposição com o prefeito de Olinda, Renildo Calheiros. Exposição dos projetos realizados pela Prefeitura Municipal de Olinda.
9h30 e 14h - Apresentação cultural do CEMO
10h e 14h30 às 15h30 - Sala de capacitação - Apresentação da Oficina de papel reciclado
10h30 às 11h e 15h30 às 16h - Palestras - Calendário ecológico
Filmes - Mudanças climáticas
Teatro - Práticas adequadas na Educação Ambiental
11h às 12h e 16h às 16h30 - A Sala Verde Marins dos Caetés terá apresentação do Espaço e divulgação do Acervo existente

.

Comitê em Defesa da Petrobras na Câmara Municipal de Olinda

CONVITE

O Presidente da Câmara Municipal de Olinda, vereador Marcelo Soares (PC do B) e o vereador Marcelo Santa Cruz (PT), convidam para Sessão Solene de lançamento do Comitê em Defesa da Petrobrás.


Dia 01 de junho de 2009 (segunda-feira)

Horário: 09 horas

Local: Plenário da Câmara Municipal de Olinda

Rua 15 de Novembro, 93 – Varadouro – Olinda

E-mail: adv.marcelosantacruz@yahoo.com.br

Fones: 3494.5544 – 3439.1966 – R.243


.

Olinda: Morador reclama de buracos em Ruas do bairro de Ouro Preto.


Rua Peixe Agulha

Rua Peixe Agulha

Rua Peixe Agulha


Ao lado da Secretaria de Obras da Prefeitura


É um absurdo a buraqueira que se encontra na Rua Peixe Agulha entre o antigo bar Fogo Sobre Terra e o centro comercial do bairro e o Posto Ypiranga. Ao transitar na rua principal do bairro temos que driblar as crateras e as poças. Um horror!

Só gostaria de saber a razão do desprezo com que são tratados os moradores de Ouro Preto, mais precisamente na Rua Peixe Agulha no trecho compreendido entre o antigo Bar Fogo Sobre Terra e o Centro comercial do bairro. Há mais de dois anos a via está completamente esburacada, sem qualquer providência, tomada pelo poder público. Não é por falta de reclamação. Reclamamos e não recebemos qualquer resposta ou providência.

“Há buracos que pelo tamanho e profundidade estão a oferecer riscos sérios de acidentes com transeuntes".

A via de mão dupla torna perigosa a tentativa de desviar dos buracos. "As crateras abertas devido ao desgaste do asfalto pode, a qualquer momento, causar um acidente. Só espero que o órgão responsável pela manutenção do asfalto, não espere isso acontecer para tomar providências".

"O problema é notório ao passar pela Rua. Mesmo com tantas reclamações, nada foi feito".

O descaso é tanto que esse buraco é ao lado da Secretária de Obras do município . (Foto)



HILDERNARDO FERREIRA. (Nadinho do Caranguejal)

Morador de Ouro Preto há 37 anos.

.

DER afirma: Segunda Perimetral é responsabilidade da Prefeitura de Olinda

Em nota oficial, prefeitura contraria a explicação do Departamento, mas assume o serviço de tapa-buraco; NETV já mostrou o problema seis vezes neste mês

Da Redação do pe360graus.com


Na última terça-feira (26), a reportagem do NETV 1ª edição esteve no Departamento de Estradas e Rodagem (DER) para entregar um calendário e pedir uma resposta sobre a situação da Segunda Perimetral Norte, em Olinda, na Região Metropolitana do Recife. O prazo para a resposta era esta sexta-feira (29).

É a sexta reportagem neste mês. A pista está péssima e o trânsito lento porque tem muitos buracos. Animal solto é cena comum. O pedestre não tem por onde andar - para todo lado, muitas poças e lama, e não há acostamento.

No meio da manhã, a chuva parou um pouco. Facilitou a visão dos buracos, mas os problemas continuam. “Para passar tem que ser a 10 km/h, com o carro pulando, acabando com o amortecedor. É horrível”, se queixa o gerente Carlos Falcão.

O trecho em frente ao Lixão de Aguazinha é o pior - não se trata nem de passar devagar, é preciso parar para fazer a travessia. De bicicleta e moto, se não tiver cuidado, a pessoa cai.

A Prefeitura de Olinda enviou nesta sexta-feira uma nota oficial igual à que foi enviada há dois dias. A nota diz que a prefeitura assume a responsabilidade pelo tapa-buraco, mas fala que a via metropolitana é de jurisdição estadual, portanto as obras de requalificação da Perimetral caberiam ao DER.

O diretor-executivo do Departamento de Estradas e Rodagem afirma o contrário. “Por determinação do governo da época, a avenida foi construída pelo DER, mas ela não é uma PE, mas uma via metropolitana, e elas são mantidas pela prefeitura. Cada via estadual tem uma numeração, como a PE-15, por exemplo, mas essa não é da jurisdição do DER”, afirmou.

.

Olinda: Café Fraterno do Lar Transitório de Christie


"A Solidariedade, amigos/as, agente não agradece.
Por ela, agente se alegra e comemora." (Betinho)

Olá !
Para todos/as amigos/as e parceiros/as no Sistema de Garantias dos Direitos da Criança e do Adolescente e das famílias em situação de vulnerabilidade de nossas comunidades o LAR TRANSITÓRIO DE CHRISTIE no seu 30º Aniversário, espera você para um CAFÉ FRATERNO, momento solidário por esta data emblemática de suas ações no dia 10 de Junho de 2009 às 8:30 hs.

Anexei aqui um singelo convite, um mapa de chegada, uma Apresentação Institucional da AELTC e aguardamos a sua presença !

Lígia Cabral Barbosa
Pedagoga Reg. 1693 MEC
Cel:86263084 / 99280872
Coordenadora de Projetos AELTC

Mosteiro de São Bento, em Olinda, está na disputa pelo título internacional


Foto: Ana Claudia Dolores/DP/D.A Press

Belezas que podem ser maravilhas do mundo Patrimônios locais de origem portuguesa disputam concurso com obras de outros países

Ana Cláudia Dolores
anadolores.pe@diariosassociados.com.br

Duas belezas arquitetônicas de Pernambuco estão a alguns "cliques" de entrarem para o grupo das Sete Maravilhas de Origem Portuguesa no mundo.

O Convento de Santo Antônio e Ordem Terceira de São Francisco, no Recife, e o Mosteiro de São Bento, em Olinda, estão entre as 27 igrejas e fortificações, distribuídas em países da América do Sul, África e Ásia, edificadas pelos portugueses e selecionadas para participarem do concurso.

A votação está sendo feita pela internet no endereço www.7maravilhas.sapo.pt até o dia 7 de junho. O resultado será divulgado no dia 10, numa cerimônia em Portugal. Para serem eleitas, as obras pernambucanas precisam vencer, primeiro, a concorrência interna. Outros cinco monumentos brasileiros também estão na disputa: o Santuário do Bom Jesus de Matosinhos e a Igreja de São Francisco de Assis da Penitência, em Minas Gerais; o Mosteiro de São Bento, no Rio de Janeiro; a Fortaleza do Príncipe da Beira, em Rondônia; e o Conventode São Francisco e Ordem Terceira, na Bahia.

O regulamento do concurso só permite que sejam eleitos até dois monumentos por país. A vantagem de entrar para o seleto grupo dos mais representativos monumentos de origem portuguesa está na possibilidade de atrair ainda mais turistas."Essa campanha promove uma maior integração entre os países de língua portuguesa e estimula a vinda do turista que gosta de arte", ressalta o presidente da Empetur, José Ricardo Diniz. Os dois monumentos são paradas obrigatórias do turista que visita as cidades- irmãs. O Convento de Santo Antônio e a Ordem Terceira de São Francisco estão na Rua do Imperador, no Centro do Recife. Construídos no século XVII, representam um dos maiores símbolos da arte sacra barroca. Já o Mosteiro de São Bento, no Sítio Histórico de Olinda, é destaque na arquitetura da cidade há mais de 400 anos.

sábado, 30 de maio de 2009

Moradores de Rio Doce cobram providências da Prefeitura de Olinda

População se reuniu com representantes da prefeitura e do Ministério Público; principal problema apontado por eles foi o alagamento constante do canal Colibri

Da Redação do pe360graus.com

Cansados de enfrentar problemas no bairro de Rio Doce, moradores da comunidade de Olinda organizaram uma audiência pública e apresentaram os problemas para representantes da prefeitura e do Ministério Público. O encontro foi para cobrar da prefeitura o fim dos alagamentos provocados pelo canal Colibri e pelos esgotos estourados.

O transtorno no bairro é tão grande quer fez algumas famílias mudarem de endereço. Como é o caso da telefonista Ivanilda Vasconcelos. Ela morou por três anos na quinta etapa de o bairro de Rio Doce e agora procura um lugar melhor para morar. "Essa casa já está vendida há uns 20 dias. Vendi justamente por não suportar esse esgoto que já está aqui há mais ou menos há três meses", disse.

Já a dona de casa Sílvia Babosa de Lima não tem como vender a casa e para tentar fugir do mau cheiro e evitar que a água suja invadisse a residência, construiu um muro em frente ao portão. "Basta uns 10 minutos de chuva e tudo isso aqui fica alagado", afirmou Sílvia de Lima.

A água é do canal Colibri, que corta toda a quinta etapa do bairro e sempre que chove forte transborda, provocando alagamentos nas ruas do bairro. O canal está mal cuidado, em alguns trechos o mato cresceu ao ponto de não ser possível ver a água.

O problema fica ainda maior porque algumas casas foram construídas na beira do canal, estreitando a passagem de água. De acordo com os moradores, algumas pessoas complicam ainda mais a situação e jogam esgoto no local.

Dois bueiros estourados nas ruas 13 e 47 complica ainda mais a vida de quem mora em Rio Doce. A situação é tão crítica que a sujeira passa na frente até do Posto de Saúde. "A gente vive aqui sem ter condições nenhuma", reclamou uma senhora.

Por todos esses problemas que os moradores decidiram agir. Organizaram uma reunião e chamaram representantes da prefeitura e do Ministério Público para discutir soluções para esses problemas. O encontro foi na Escola Estadual Escritor Carlos Cavalcanti.

"A nossa preocupação é que não termine um governo, começo outro governo, e o povo fique sofrendo, com água entrando nas casas, doenças como a dengue e a leptospirose", disse o coordenador do Movimento Pró-Rio Doce, Abdias Ferreira.

"Nossa intenção é a captação de recursos, para que a gente faça a retificação do canal e a retirada das moradias. A previsão da gente ter uma proposta, um orçamento para ser encaminhado tanto do Governo do Estado, como ao Governo Federal é este ano ainda", afirmou a secretária de Obras de Olinda, Hilda Gomes.

Já o secretário Executivo de Manutenção da cidade, Arnaldo Bastos, afirmou que as obras devem iniciar ainda na próxima semana. "Na segunda-feira (1º) eu estou iniciando no canal Colibri a limpeza do canal e a capinação com máquinas e com homens”, disse.

O andamento das obras será fiscalizado pelo promotor de Meio Ambiente de Olinda, André Felipe Menezes. “Nós vamos cobrar do município uma ação concreta e possivelmente firmar um termo de ajustamento de conduta que pode ser precedido da expedição de uma recomendação ao município”, afirmou.

A Prefeitura de Olinda também informou que junto com a Companhia Pernambucana de Saneamento (Compesa) vai tomar providências quando aos esgotos. Para essas obras não foi informado um prazo.

.

Teto da varanda de uma casa desaba e deixa mulher ferida em Olinda

Acidente ocorreu em Jardim Atlântico; segundo um morador do local, o condomínio já havia sido embargado pela prefeitura, pois apresenta vários problemas estruturais

Da Redação do pe360graus.com

O teto da varanda de uma casa desabou e deixou uma mulher ferida em Jardim Atlântico, Olinda, na Região Metropolitana do Recife, no início da tarde deste sábado (30). O acidente ocorreu no Condomínio Monte Sinai, que fica na Rua Selenita.

Segundo um morador do local, o condomínio já havia sido embargado pela prefeitura, pois apresenta vários problemas estruturais. O Corpo de Bombeiros esteve no local para retirar os destroços e o Samu socorreu Amara Isadora Ribeiro, 59 anos, para o Hospital da Restauração (HR), no Recife. Ela fraturou a perna esquerda e passa bem.

.

Parte da varanda de prédio desaba em Olinda

Do JC Online
Com informações da Rádio Jornal

Parte da varanda do primeiro andar de um prédio do condomínio Monte Sinai, em Jardim Atlântico, Olinda, Região Metropolitana do Recife (RMR), desabou neste sábado (30). Informações preliminares dão conta de que duas pessoas ficaram feridas. O Corpo de Bombeiros está a caminho do local e o Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) já foi acionado.

Mais informações em instantes.


http://jc.uol.com.br/canal/cotidiano/pernambuco/noticia/2009/05/30/parte-da-varanda-de-predio-desaba-em-olinda-189158.php

Olinda ou Paulista? Moradores de loteamento em Cidade Tabajara continuam às escuras






Foto: Reprodução/TV Globo

Apenas duas ruas têm postes com lâmpadas; segundo a Celpe, confusão ocorreu porque a comunidade era registrada em Olinda, mas agora pertence a Paulista

Da Redação do pe360graus.com

Moradores do Loteamento São João, na Cidade Tabajara, em Paulista, na Região Metropolitana do Recife, vivem uma situação difícil: pagam a taxa de iluminação pública, mas vivem às escuras. Sem iluminação nas ruas, aumentam o medo e a violência. Outra reclamação é que há três meses o lixo não é recolhido.

Aqui alguns serviços públicos são feitos pela prefeitura de Olinda. Outros, pela de Paulista. Os moradores dizem que o caminhão de lixo é de Olinda. Mas há pelo menos três meses, a coleta não é feita como deveria. A sujeira se acumula neste terreno. “Eles vêm aqui e nem o lixo do chão recolhem”, denuncia Luzitânia Alves da Silva.

Quando anoitece, a preocupação é com a violência. “Minha nora vinha por aqui, liguei para ela na hora. Quando ela tirou o celular da bolsa, o rapaz veio, pegou o celular dela e correu”, conta a dona de casa Ana Maria Cordeiro.

Perigo que aumenta com a falta de iluminação. Apenas duas ruas têm postes com lâmpadas. Quem mora nas outras quatro têm que conviver com a escuridão. A casa de dona Nadja fica na Rua Lapania, uma das que não têm postes. Mesmo assim, na conta de maio veio a cobrança de R$ 11,32 de taxa de iluminação pública.

Em agosto de 2007, a reportagem esteve no local. Na época, nenhuma rua tinha iluminação pública. A comunidade era registrada na Celpe como se pertencesse a Olinda. Agora, a área pertence a Paulista. Mas para todos os moradores o endereço é mesmo: Rua das Mangueiras.

A Celpe informou que os moradores devem procurar uma agência da companhia para solicitar a expansão da rede elétrica. Já a assessoria da Polícia Militar informou que, no local, são realizadas rondas motorizadas e que vai encaminhar uma solicitação para o 1º Batalhão da PM para pedir reforço na área.

Quanto ao problema do recolhimento do lixo, a prefeitura de Olinda informou que, por causa da chuva, o acesso ao local ficou difícil, o que comprometeu a limpeza. A Diretoria de Limpeza Urbana se comprometeu em começar neste sábado (30) na comunidade, a coleta alternativa, que é feita por garis.

A partir de segunda-feira (1º), a Diretoria de Manutenção Urbana vai fazer um serviço de melhoria na Rua Mangueira, que dá acesso a comunidade, para poder regularizar o recolhimento do lixo.

.

quinta-feira, 28 de maio de 2009

Olinda: "Nas intoca é mais gostoso!"

Nesta sexta-feira, 29 de Maio de 2009, a partir das 22h tem início o projeto que vai agitar a cidade de Olinda com a melhor fusão sonora da cidade: Toca das Olinda “Nas intoca é mais gostoso!”. Nesta semana contará com a participação da banda Forró Kétu (Forró pé-de-serra universitário), Dj 440 (Samba-Rock) e do Grupo Samba Lá em Casa (Samba de Raiz). O novo point funcionará todas as sextas-feiras e sempre proporcionando muita badalação e música de qualidade para o público presente.

Local:

Antigo Bar Farândola (Av. Olinda, 330 – Varadouro – Olinda – PE. Próximo ao Ecologic Center)

Realização:

Casa Cheia Produções

Informações:

(81) 8787.9890 / 3439 9885

Ingresso à venda no local:

R$ 8,00 (Oito reais)


.

Teto de igreja cai em Olinda e gera polêmica

O desabamento, na última segunda-feira, do teto da Igreja de São João Batista dos Militares, em Olinda, no Grande Recife, ganhou repercussão na Alepe. Os deputados Pedro Eurico (PSDB) e Jacilda Urquisa (PMDB) abordaram o assunto e questionaram o posicionamento da secretária de Patrimônio Histórico e Cultural, Márcia Souto, que declarou à Folha de Pernambuco que a responsabilidade pelo restauro da estrutura é da Igreja Católica, detentora da posse do prédio. Eurico informou que enviará ofícios aos Ministérios Públicos Federal e Estadual e ao governador Eduardo Campos (PSB), solicitando a instauração de inquérito policial para apurar a responsabilidade pelo “descaso” que resultou no desgaste da edificação.

“A Prefeitura de Olinda está sob uma administração que se diz socialista, popular e progressista, mas não teve o cuidado de preservar o patrimônio do povo. Se não é responsabilidade do Poder Municipal zelar pela história da cidade, então para que serve a Prefeitura?”, indagou o líder tucano. “Gostaria de dizer à secretária que, se a Prefeitura não tem responsabilidade com o patrimônio da cidade, a Secretaria onde ela atua nem deveria existir”, argumentou a deputada.

Em aparte à Jacilda, o deputado Luciano Moura (PCdoB) lembrou que, em 1999, durante a administração da peemedebista, que governou a localidade de 1996 a 2000, a Revista Veja publicou matéria afirmando o risco de a localidade perder o Título de Patrimônio Cultural da Humanidade, concedido pela Organização das Nações Unidas para a Educação, a Ciência e a Cultura (Unesco), “por causa do abandono”. “Hoje, a cidade virou canteiro de obras”, ressaltou Moura, informando que o Governo Municipal obteve, por meio de parcerias, R$ 600 mil para as obras de escoramento e recuperação do teto da Igreja de São João Batista dos Militares. Entretanto, o arcebispo de Olinda e Recife, Dom José Cardoso, discordou dos trabalhos, alegando que a prioridade era a instalação de uma creche no local.

André Campos (PT) ponderou que o problema é “histórico e difícil de resolver”. “Olinda tem baixa arrecadação e, se não houver ajuda da Unesco e de outros órgãos, a situação complica”. Terezinha Nunes (PSDB) pensa diferente. “Se a cidade não tinha recursos, buscasse junto aos Governos Federal e Estadual”. Para o deputado Izaías Régis (PTB), infelizmente, o Brasil não tem a cultura de preservar a história. “Na Europa, existem obras anteriores ao nascimento de Cristo”, frisou.

Em defesa da peemedebista, Augusto Coutinho (DEM) disse ser necessário“desmistificar a lenda de que, sob a administração de Jacilda, Olinda perderia o título concedido pela Unesco, porque uma mentira dita muitas vezes pode se tornar verdade”. O integrante do Democratas aproveitou para elogiar a Mesa Diretora da AL pelo cumprimento do novo Regimento Interno. Para Maviael Cavalcanti (DEM), “nem tudo que a imprensa divulga é verdadeiro”. Miriam Lacerda (DEM) alertou para a importância do santuário no turismo estadual. “Os poderes públicos devem adotar providências para que a igreja de Olinda seja reerguida e volte a ser ponto turístico”.


http://www.fisepe.pe.gov.br/cepe/materias2009/mai/legi05270509.htm

Missa lembra dois anos do assassinato de uma agente de trânsito em Olinda







Ela foi morta com seis tiros nas costas enquanto trabalhava por um ex-soldado da PM; família pede julgamento e prisão do acusado

Da Redação do pe360graus.com

Emoção na missa que lembrou os dois anos de morte de uma agente de trânsito em Olinda. Ela foi assassinada por multar um soldado que havia estacionado a moto em lugar proibido. A missa foi celebrada na Igreja de Nossa Senhora de Guadalupe.

A agente de trânsito Joseane Oliveira de Santana tinha 21 anos. Foi assassinada com seis tiros nas costas enquanto trabalhava, na orla de Olinda. De acordo com testemunhas, ela havia multado uma moto que estava estacionada em local proibido.

Para família, foram dois anos de muita tristeza. “Imagine uma mão toda hora sentindo a falta que ela faz”, disse Maria de Lourdes Oliveira, mãe de Joseane. “Ela era uma menina muito boa”.

O ex- soldado da Policia Militar (PM), José Brayner de Lima Neto (foto 1), 28 anos, dono da moto, foi preso e confessou ter atirado na agente. A arma do crime foi encontrada no Canal dos Bultrins, em Olinda. Jose Brayner foi exonerado pelo comando da polícia em agosto de 2007.

A família de Joseane espera o julgamento do acusado. “A gente quer ver ele preso, julgado. Ele tem que pagar o que fez”, cobra o pai da jovem, Severino Joaquim de Santana.

.

Olinda: Violência na orla

Existe um grave problema que aflige os moradores e frequentadores da beira-mar de Casa Caiada e Bairro Novo, principalmente no período da noite. Pois se torna impossível praticar esportes na orla desta cidade. A falta de policiamento e a iluminação precária tornam o ambiente propício para a prática de assaltos. Exigimos que as autoridades tomem providências a respeito do grande índice de assaltos ocorridos na orla de Olinda, pois se torna impossível até mesmo caminhar à noite.


Alexsandro Barros - Olinda


http://www.diariodepernambuco.com.br/2009/05/28/Cartas.asp

quarta-feira, 27 de maio de 2009

TCE julga ex-prefeita de Olinda hoje

LUCIANA não teria cumprido gastos com Educação

GILBERTO PRAZERES

O processo contra a ex-prefeita de Olinda Luciana Santos (PCdoB), por irregularidades nos gastos com a Educação no município, no exercício de 2003, deverá ser julgado, hoje, na Segunda Câmara do Tribunal de Contas do Estado (TCE). A comunista é acusada de, no período, ter gasto menos de 25% do orçamento da Prefeitura com o setor, ferindo o que determina a Constituição. O Pleno do TCE apreciará a matéria após receber a análise do promotor do Ministério Público de Pernambuco (MPPE), Paulo Roberto Pinto Júnior, que havia pedido vistas do documento há três semanas. Ficou a cargo do relator do processo, o conselheiro Adriano Cisneiros, pedir o julgamento do caso. Porém, se algum outro conselheiro entender que ainda há necessidade de se avaliar o processo, poderá pedir vistas novamente.
Antes mesmo do pedido de vistas do promotor do MPPE, Luciana Santos já se dizia tranquila sobre o resultado do julgamento. Na oportunidade, ela afirmou que estava recorrendo e rebatendo os argumentos do TCE com documentos e dados. “O que acontece é que muitos gastos referentes à Educação não são contabilizados no orçamento. Contando com merenda escolar mesmo, gastamos bem mais que 25%”, explicou a comunista.

A defesa da Prefeitura de Olinda argumenta que, considerando os restos a pagar, o total orçamentário aplicado na Educação chega a 22,58%. Apesar de ainda estar abaixo do total exigido por lei, o advogado da prefeitura César André Pereira destacou que um processo de prestação de contas da Prefeitura do Recife continha percentuais similares e teve suas contas consideradas regulares.


http://www.folhape.com.br/

Olinda: Luar em Casa Caiada


Foto: Torque Construções/Divulgação

Construtora lança edifício com três quartos e duas vagas de garagem na beira-mar de Olinda

Na beira-mar de Olinda, num lugar privilegiado do bairro de Casa Caiada. A Torque Construções Ltda. está lançando o edifício Luar dos Corais, na avenida Ministro Marcos Freire, em frente ao hospital Prontolinda. Serão 18 andares, cada um com quatro apartamentos, com dois tamanhos: de 80,51 m2 ou 83,5 m2.

Além da vista para o mar, o Luar dos Corais fica numa rua tranquila e tem o conforto de um apartamento de três quartos (sendo uma suíte), sala, varanda, cozinha, área de serviço e com direito a duas vagas de garagem. As unidades custam a partir de R$ 198,9 mil, para os apartamentos de terminação 3 e 4, do primeiro andar. Nas opções com numeração terminada em 1 e 2, o valor é de R$ 216 mil, para o segundo piso.

O empreendimento contará com área de lazer na cobertura, com salão de festas, piscina com deck seco e molhado, espaço gourmet, terraço panorâmico e churrasqueira. O projeto, do arquiteto Hilton Bueno, será todo em cerâmica, com esquadrias de alumínio bronze e vidro verde.

"Outro diferencial é que todosos apartamentos contarão com kit para instalação de ar-condicionado do tipo split, mais econômicos e silenciosos do que os de caixa, que são a tendência nos edifícios de maior porte", explica o gerente administrativo da Torque Construções, Bento Ribas.

O financiamento pode ser feito com a construtora, ou através de qualquer instituição bancária - após a entrega. Se a opção for a primeira, são 80 parcelas mensais, mais 12 intercaladas, a cada seis meses, além de sinal e chaves. A correção, até a entrega, será feita pelo INCC, e depois, pelo INCC, mais juros de 1% ao mês. "A empresa tem flexibilidade de planos e negociação para o pagamento. Aceitamos inclusive outro imóvel ou veículo", destaca Bento Ribas.

As obras serão iniciadas no próximo mês de julho. A entrega do Luar dos Corais está prevista para junho de 2012. Ribas também destaca que os futuros moradores podem adaptar a planta interna do apartamento às suas necessidades, durante a construção. Quem se interessar pode acessar o site da Torque (www.torqueconstruções.com.br), ou visitar o estande de vendas no local. A empresa tem onze anos de atuação no mercado de Olinda e Recife, com 11 empreendimentos entregues e cinco em fase de construção. Mais informações sobre o Luar dos Corais pelo fone: (81) 3432-3737.


http://www.diariodepernambuco.com.br/2009/05/27/imoveis1_0.asp

terça-feira, 26 de maio de 2009

Agiota é assassinado com tiro na cabeça no bairro de Peixinhos, em Olinda

Ele estava dentro de um veículo com a esposa e um sobrinho quando foi abrdado por um assaltante

Da Redação do pe360graus.com

Um homem foi assassinado na tarde desta terça-feira (26) no bairro de Peixinhos, em Olinda. De acordo com a polícia, Gledson Augusto de Amorim, 29 anos, seria agiota.

A vítima estava dentro do seu carro com a mulher e um sobrinho, na frente da casa da sogra, que fica localizada na Rua São Sebastião, quando foi abordado por um assaltante. Segundo a polícia, Gledson de Amorim teria entregue seus pertences, sem reagir. Mesmo assim, o bandido disparou um tiro que acertou a cabeça da vítima.

Gledson de Amorim chegou a ser socorrido para o Hospital da Restauração, no Recife, mas não resistiu. O caso foi registrado pela equipe da Força Tarefa Norte.

.

Problemas no bairro de Caixa D’Água, em Olinda, continuam sem solução


Foto: Reprodução / TV Globo

A prefeitura retirou o lixo e consertou a ponte da entrada do bairro, que estava quebrada, mas buracos continuam, dificultando a passagem de motoristas e pedestres

Da Redação do pe360graus.com

A Prefeitura de Olinda prometeu resolver os problemas do bairro de Caixa D´Água, mas não fez tudo - esqueceu de arrumar as ruas. Os moradores da Rua Córrego dos Carneiros se livraram do lixo que estava acumulado porque os caminhões de coleta, durante muito tempo, não conseguiam passar.

A passagem foi interrompida quando a ponte, na entrada da rua, quebrou. A situação foi mostrada no NETV 1ª Edição. Descaso e sujeira. Dez dias depois, a prefeitura do município cumpriu a promessa de ajeitar a ponte e fazer a limpeza.

“Pelo que a gente está vendo, está uma maravilha, mas a ponte ainda não foi liberada e estamos com medo de que um caminhão passe e a ponte caia. Pior ainda está lá para cima”, comenta o pintor Márcio Medeiros.

Ele reclama de uma ladeira no fim da rua, também foi mostrada na reportagem. Nada foi feito e os moradores continuam com dificuldades para ter acesso aos terminais de ônibus. O sofrimento piora quando chove.

Mas o problema desta comunidade não se resume à Rua Córrego dos Carneiros. Para onde se olha, só se vê buracos, e dos grandes, de um canto a outro, impedindo a passagem dos carros. Na Rua 18 de fevereiro só passa caminhão, e muito mal.

“É muito difícil passar carro e moto aqui, arriscado até cair”, conta o operador de supermercado Demilson Lopes. “Estamos nessa situação há mais de ano e ninguém toma uma providência”. A aposentada Lindaura do Carmo cobra uma solução. “Queremos que a prefeitura se responsabilize e tome uma providência para esse problema daqui”.

A Prefeitura de Olinda informou que, até o fim do mês, termina de revisar os projetos de água e esgoto da Rua Córrego dos Carneiros. Depois disso, vai fazer a drenagem e a pavimentação. Quanto aos problemas na Rua 18 de Fevereiro, a prefeitura disse que a situação só será resolvida quando a Compesa terminar uma obra no local.

.

Olinda: Segurança Pública nas Comunidades

O Coletivo de Entidades Negras-CEN/PE em parceria com o Projeto Plante a Paz, a Casa Xambá e O Coletivo Cidadães Positivas,tem a honra de lhe convidar a participar do Circuito de Debates sobre Segurança Pública nas Comunidades, a realizar-se de 28 de maio a 19 de junho de 2009,em alguns Bairros dos Municipios de Olinda,Paulista,Recife e Jaboatão dos Guararapes. Seguindo o Calendário,estaremos realizando o Primeiro debate na seguinte data e horario:

Data:28 de maio de 2009.
Hora:19hs
Local: Escola Tabajara(Av.Tabajara s/n,Cidade Tabajara-Olinda-PE)
Tema do Debate: Prevenção Social do Crime e das Violência e Construção da Cultura de Paz.
Debatedores: Oficial da Policia Militar Cabo Carlos Fernando e Lindacy Assis.

Contamos com sua participação.

.

Olinda: Bueiro entupido provocou deslizamento de barreira em Águas Compridas





Foto: Reprodução / TV Globo

Acidente ocorreu na última segunda-feira, na Travessa 9 de Abril, e deixou uma criança de nove anos ferida; menino levou cinco pontos e passa bem

Da Redação do pe360graus.com

O deslizamento de uma barreira no bairro de Águas Compridas, em Olinda, na Região Metropolitana do Recife, pode ter sido provocado pelo entupimento de um bueiro. O acidente ocorreu na noite da última segunda-feira (25) e deixou uma criança ferida.

O desmoronamento ocorreu na Travessa 9 de Abril, próximo à Rua da Linha, pouco depois das 20h. Ao cair, a barreira destruiu toda a parte de trás da casa. Na manhã desta terça-feira (26), ainda era possível ver móveis e eletrodomésticos danificados entre os escombros.

No momento em que a barreira deslizou, o dono da casa, o trabalhador da construção civil Melquíades da Silva Neto, estava do lado de fora tentando resolver o problema. “Eu estava tentando desviar uma água de um bueiro da rua que estava entupido, a água estava descendo todinha para cima da barreira”, conta.

Ele diz que no momento do acidente duas filhas pequenas estavam dormindo dentro de casa. “Quando vi, corri para casa para retirar as meninas”, lembra. “A parede caiu para cima da cama da mais velha, mas o guarda-roupa segurou”.

O filho mais velho, Lucas, de nove anos, foi atingido pela barreira. Ele se feriu na cabeça e foi levado para o Hospital da Restauração, onde levou cinco pontos, mas está bem. A Defesa Civil interditou a casa e a família passou a noite na casa de parentes.

Patrícia Amorim, a mulher de Melquíades, estava na igreja quando soube da queda da barreira. Voltou pra casa desesperada. “A vida é o principal, mas deixou um grande vazio, porque estamos sem abrigo, estamos tristes”, lamenta.

O motivo de tanta água descendo em direção à casa de Melquíades, de acordo com os moradores da travessa, foi um bueiro na Rua da Linha. Uma fita está isolando o local. Com a chuva e cheio de entulhos e lixo, o bueiro transbordou. A água correu em direção à barreira, derrubando uma parte dela e provocando o acidente.

O cobrador de ônibus Sandoval Ferreira, que também mora no local, conta como foi iniciada a limpeza do bueiro. “A água não deu vencimento e transbordou, emburrando a barreira para baixo”, afirma.

Olinda tem 122 áreas de risco. O local onde aconteceu a queda de barreira é considerado de risco alto. A prefeitura do município informou que a Defesa Civil do município isolou a área e retirou quatro famílias que moram perto da barreira. Também foi feita a limpeza do bueiro.

.

Acesse: www.olindaurgente.com.br
no Portal O Nordeste.com: www.onordeste.com

.

Problemas da Segunda Perimetral Norte, em Olinda, continuam sem solução

Nem a Prefeitura nem o DER assume a responsabilidade pela manutenção da via; enquanto isso, pedestres não têm acostamento e paradas de ônibus e carros caem nos buracos

Da Redação do pe360graus.com

A Segunda Perimetral Norte liga duas importantes cidades: Recife e Olinda, na Região Metropolitana. A rodovia, que deveria ser bem cuidada, está abandonada. O NETV 1ª Edição tem mostrado o problema. A prefeitura diz que o Departamento de Estradas e Rodagens (DER) é quem deve fazer a manutenção.

Já o DER rebate a responsabilidade: diz que apenas construiu a Perimetral e que cabe à Prefeitura de Olinda cuidar da estrada, do acostamento, da limpeza do mato. Enquanto isso, quem passa pelo local convive com buracos e muita lama. Os pedestres não têm calçada, nem acostamento - precisam ir para o meio da rua. Também não podem contar com paradas de ônibus para se abrigar.

Depois da chuva, ficam as poças de água em vários pontos da Avenida Perimetral. Ninguém se arrisca a esperar o ônibus na parada. Everaldo Bezerra, que mora no local, diz que é tanta lama que os carros ficam impedidos de sair das garagens. “É quase impossível sair com meu carro aqui no dia de chuva, o carro morre”, conta. “Essa água está empoçada aqui já faz mais de 15 dias”.

Para quem é pedestre, o caminho é cheio de dificuldades. Não há faixas para travessia e a margem da pista em vez de calçamento tem barro e até canaletas de esgoto doméstico. Muitos reclamam da poeira que é levantada, principalmente quando passam ônibus e caminhões. “A gente corre da poeira, eu fico sufocada quando passo”, relata a catadora Luziara Gomes.

Os pedestres têm que desviar da lama, do lixo e dos carros velhos empilhados que ocupam metade do caminho. A dona de casa Adriana Azevedo diz que é difícil convencer o dono do comércio a retirar a sucata do local. “Eu já conversei com meu pai, e a gente concorda que tem que colocar os carros dele para dentro”.

Com tantos obstáculos, tem gente que prefere andar na rua, como a dona de casa Valdilene Silva. “Hoje mesmo a moto ia batendo em mim, na minha menina e na minha cunhada”, diz.

Animais soltos na avenida e buracos na pista também são riscos constantes para os motoristas. O trecho em frente ao Aterro Sanitário de Olinda é considerado um dos mais perigosos. O serviço de recapeamento que foi feito no local durou muito pouco: os motoristas têm que passar com todo o cuidado pra evitar acidentes e estragos nos veículos.

Por causa dos buracos, o trânsito fica lento. É preciso paciência pra suportar tanto sobe e desce. Os motoristas que vão para a outra pista também não escapam para motoristas e motociclistas dizem que os prejuízos são inevitáveis. “Eu já mandei fazer balanceamento, alinhamento, já botei pneu novo, mas já se acabou tudo”, reclama o comerciante Gilson Delgado.

DEPOIS DA CHUVA
Na manhã desta terça-feira (26), a reportagem foi cobrar do DER e da Prefeitura de Olinda um prazo para resolver o problema e voltou à perimetral. Depois de outra noite de chuva, um dia de tormento para os motoristas que trafegam na via - os buracos se multiplicam.

A Prefeitura diz que está recuperando o asfalto, mas os moradores são testemunhas de que o serviço não está assim tão perfeito. “Eles vêm aqui, fazem um paliativo, mas não vale de nada, porque vem um caminhão e no outro dia já está uma vergonha de novo”, disse o vigilante Elmiton Correia.

Enquanto os motoristas tentam desviar dos buracos, pedestres e ciclistas fazem uma ginástica para passar pela avenida que não tem acostamento nem calçada. “É perigoso, os pedestres passam no meio da estrada, capaz de atropelar uma pessoa”, reclama o motorista José Roberto de Lima.

O entregador de água Esmeraldo da Silva, que passa todo dia de bicicleta na avenida, pede providências. “Queria melhorias aqui para todo mundo, não sou só eu quem passa”.

RESPOSTA
Por meio de uma nota, a Secretaria de Imprensa de Olinda informou que a Prefeitura assumiu as obras de recuperação da via, mas que a responsabilidade pela manutenção da segunda perimetral é do Departamento de Estradas de Rodagem (DER). A assessoria de imprensa do DER não se pronunciou sobre o assunto.

Mas o problema da perimetral é muito mais do que tapar os buracos. Precisa haver construção de acostamento, limpeza do mato e canaletas para escoar a água. Se não, é tapar os buracos e vê-los abrir dias depois.

.

segunda-feira, 25 de maio de 2009

Telhado de igreja do século 16 desaba em Olinda

Construção data do século 16; principais hipóteses para o desabamento são infestação por cupim, desgaste na estrutura, rachaduras e infiltrações

Da Redação do pe360graus.com

Parte do telhado da igreja de São João dos Militares, que fica no bairro do Amparo, em Olinda, desabou na tarde desta segunda-feira (25). No momento do acidente não havia pessoas na igreja. Com medo de desabamentos, há cinco anos a paróquia suspendeu as celebrações no local.

Toda a área da igreja está isolada. Para proteger o prédio, foi feito o escoramento emergencial do telhado mas, de acordo com o Instituto do Patrimônio Histórico Nacional (Iphan), a estrutura das paredes e do telhado está comprometida e ainda há riscos de desabamentos. Móveis e imagens foram retirados do local e levados para a matriz de Nossa Senhora do Guadalupe.

Uma parte da estrutura do telhado da igreja de São João do Militares já havia cedido na última sexta-feira (22). Na ocasião, funcionários do Iphan estiveram no local e detectaram a necessidade de uma reforma urgente.

A última reforma na igreja, construída no século 16, foi feita há mais de 30 anos. Desde então, o prédio sofre com o tempo e a falta de manutenção adequada. Há rachaduras, cupins, e infiltrações nas paredes. Já em julho de 2007, a prefeitura de Olinda fez uma vistoria que constatou que o madeiramento e o telhado precisavam ser substituídos.

RESPONSABILIDADE
O administrador paroquial Dom Marcelo Gomes afirmou que teria entrado em contato com o Iphan e a prefeitura de Olinda várias vezes para pedir a reforma do espaço, mas não teria obtido resposta. “Dá vontade de chorar porque isso é um descaso com o patrimônio”, afirmou.

De acordo com o Ipahn, porém, já estava em fase de conclusão um projeto para captar recursos para a reforma. “Sabíamos que a igreja precisava de restauro, mas não que era tão grave”, afirmou o superintendente do Iphan, Frederico Almeida. “Agora, com a emergência, esperamos conseguir os recursos”.

A secretária de Cultura e Patrimônio de Olinda, Márcia Couto, também acredita que o Iphan conseguirá os recursos para a reforma. Ela, porém, aponta a responsabilidade da Igreja na manutenção do prédio. “Apesar do uso público, o prédio é propriedade da igreja católica”, disse.

................

http://pe360graus.globo.com/noticias/cidades/acidente/2009/05/25/NWS,491268,4,94,NOTICIAS,766-TELHADO-IGREJA-SECULO-DESABA-OLINDA.aspx

Telhado de igreja desaba em Olinda

Imóvel estava fechado e ninguém ficou ferido.

Funcionários do Iphan retiraram móveis e imagens de santos do local.

Parte do telhado da igreja de São João dos Militares, em Olinda, desabou na tarde desta segunda-feira (25). No momento do acidente, a igreja estava fechada e ninguém ficou ferido.

Construída no fim do século XVI, ela passou por uma reforma há mais de 30 anos. Desde então, sofre com a falta de manutenção e com os cupins. Há cinco anos, as celebrações foram canceladas dentro da igreja.

Funcionários do Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (Iphan) estiveram no local e detectaram a necessidade de uma reforma urgente. Móveis e imagens de santos foram retirados do local.

Do G1, em São Paulo, com informações do pe360graus/Globo Nordeste

http://g1.globo.com/Noticias/Brasil/0,,MUL1167101-5598,00.html

Ecologista denuncia: "Prefeitura de Olinda arrancou oito árvores que eu plantei"


A Prefeitura Municipal de Olinda, arrancou 08 (oito árvores) que eu plantei numa praça pública (veja foto), posso afirmar que em 12 anos morando em Olinda, a Prefeitura nunca plantou uma árvore nesta praça. Cultivei as oito mudas por 01 ano e plantei-as em maço 2009. A foto foi tirada em março. Agora em maio, a maioria dessas árvores já pasavam de 01 metro de altura.

Quatro dessas árvores foram pantadas em homenagem Á:

1 - Isabella Nardone (o anjo que não conheci)

2 - Ana Crolina Oliveira (mãe de Isabella Nardone)

3- Ananda de Itamaracá, PE. (19 anos). Morta pelo ex marido. Quando pediu socorro ao delegado de plantão , e não foi atendida.

4 - Taciana, de Olinda. Grávida que desapareceu (todos os indícios apontam que ela está morta).


Peço ao caro amigo Ivan, consultar e me informar se em uma praça pública, os moradores da cidade são proibidos de plantar árvores.

Este Projeto se mantem até a data presente, com recurso próprio e pretende plantar 100.000 mudas em Pernambuco, daí minha idgnação mediante este fato.
Tenho muitas vitória para apresentar, mas não poderia de compartilhar com os amigos, a minha tristeza em passar todos os dias pela praça e não mais encontrar nossas árvores que eu plantei.
--
Gilberto Vasconcelos, idealizador do Projeto Adote uma Árvore - Serviço Ambiental, é um Amante da Natureza!.
9264 0514 www.projetocemmilarvores.blogspot.com www.amigosdomeioambiente.ning.com


.

Olinda Digital

Deu na coluna de Drayton Nejaim na Revista Negócios:

Celso Roberto Perez, diretor de Inovação e Empreendedorismo do núcleo de fomento de negócios inovadores do Pólo Tecnológico Olinda Digital, lembra à coluna que há mais de um ano Pernambuco conta com 3 parques tecnológicos (e não só o Porto Digital e o Parqtel). O Polo Tecnológico Olinda Digital, segundo Celso, já aglutina cerca de 20 empresas instaladas e uma incubadora com 7 empresas. O executivo indaga porque o Polo ainda não faz parte da agenda do Governo do Estado de Pernambuco. Com a palavra o governo.

.

Olinda comemora 9 anos das "Quartas Literárias"



CLIQUE EM CIMA PARA AMPLIAR A IMAGEM

Olinda: Um prefeito com cacoete de deputado


Desde o início do ano, Renildo Calheiros já foi 10 vezes a Brasília

Gilvan Oliveira

goliveira@jc.com.br

Renildo Calheiros (PCdoB) renunciou em 31 de dezembro ao mandato de deputado federal para assumir a Prefeitura de Olinda. Mas não se desvencilhou totalmente da liturgia do Legislativo. A ponte aérea Olinda-Brasília ainda é parte da sua rotina. A cada 15 dias, o prefeito vai à Capital Federal para reuniões com ministros e presidentes de empresas públicas e encontros com deputados para discutir projetos. Até para mobilização de bancada ele já foi escalado. “Fui vice-líder e líder de bancada, por isso me procuram. Daqui de Olinda, tive que telefonar para deputados amigos para tratar de matérias polêmicas e garantir os votos deles”, afirma, sem revelar detalhes. Essa rotina de prefeito-deputado é necessária, segundo ele, para garantir convênios com a União, e buscar investimentos para a cidade. “O fato de conhecer as pessoas em postos-chaves é um capital que não podemos jogar fora”, justifica.

As viagens de Renildo a Brasília são bem mais frequentes que as dos seus colegas do Recife e de Jaboatão. Desde o início do ano, ele já fez 10 viagens à Capital Federal, duas por mês. O dobro das realizadas por João da Costa (PT) e Elias Gomes (PSDB). E a 11ª ida a Brasília já está marcada. Será entre terça e quinta-feira próximas. Ele informou que irá para tratar com diretores da Petrobras de um financiamento para o projeto de embutimento da fiação de todo o Sítio Histórico da cidade. Os recursos para a obra, R$ 18 milhões, seriam viabilizados através dos incentivos da Lei Rouanet – a empresa abateria do Imposto de Renda o valor aplicado.

Na campanha de 2008, um dos principais trunfos que Renildo apresentou foi sua capacidade de caçar recursos nos ministérios. Ele se colocou como responsável por ter viabilizado várias emendas parlamentares em favor da cidade. E que seu trânsito com autoridades em Brasília geraria mais dividendos, se eleito. Com a sua saída da Câmara, Renildo diz que Olinda ficou órfã de alguém para fazer o elo entre o município e a União e concretizar parcerias. Por isso, ele afirma que continua assumindo pessoalmente esse papel, “até repor essa representação de Olinda na Câmara”, avisa, em referência à provável candidatura a deputada federal da ex-prefeita Luciana Santos (PCdoB).

Renildo não faz mistério. Como a receita própria do município é baixa, aposta em convênios para alavancar sua gestão. Tanto que, nesses quase seis meses, as grandes intervenções urbanas na cidade estão se desenvolvendo graças a parcerias (ver arte na página 4). Segundo dados da prefeitura, estão em curso 49 convênios do município com ministérios: 18 com Cidades, 12 com Esportes, 11 com Saúde, 4 com Turismo e 4 quatro com Desenvolvimento Social. “Olinda tem uma arrecadação muito pequena. Nosso orçamento é de cerca de R$ 17 milhões mensais. Isso não é suficiente para sequer fazer a manutenção da cidade, imagine para fazer investimentos”, justifica o prefeito. A Secretaria da Fazenda informou que 50,49% dessa total está comprometido com o pagamento da folha. Para investimento, o município teria algo em torno de apenas R$ 2 milhões mensais.


Jornal do Commercio

Oi não é velox em Olinda

Por acaso o senhor utiliza Oi Velox? Eu fiquei sem no dia 21 de maio. Liguei e me informaram que a conexao so voltaria a normalidade o dia 31 de maio. Fui ligando aos amigos e conferi que muitos deles, clientes da Oi Velox, ficaram tambem sem conexão entre 19 e 24 de maio. É incrivel que um serviço privado e caro seja suspenso de maneira tão irregular, sem aviso pros clientes. Claro que amanhã estou procurando orientação de um advogado (já que, sem internet, não poderei trabalhar!)

Fico interessado em saber se o senhor tá sabendo desse problema.

Obrigado,

Ernesto O. Machado

.

Olinda/Gestão Municipal: Renildo - Maioria das parcerias é com o Governo Federal


De acordo com a Prefeitura de Olinda, atualmente há 27 obras em andamento no município, sendo grande parte delas em parceria com a União. O custo total dos convênios é de R$ 44,4 milhões

Vinte e sete. Este é, de acordo com a Prefeitura de Olinda, o total de obras em andamento na cidade, ao custo de R$ 44,4 milhões. Todas elas viabilizadas graças a convênios firmados pelo município, quase todos na gestão anterior, de Luciana Santos (PCdoB). A esmagadora maioria das parcerias é com a União (ver relação na arte ao lado). A maior quantia está sendo destinada às obras de urbanização das comunidades V8 e V9, no bairro do Varadouro, dentro do Programa de Aceleração do Crescimento (PAC): elas consomem R$ 20,2 milhões do total.

Além dessa, outras três intervenções urbanas se destacam. A construção de um estádio de futebol no bairro de Rio Doce, convênio firmado com o Ministério dos Esportes, é o segundo maior em volume de recurso: R$ 6,3 milhões. A urbanização da Ilha do Maruim, com a implantação da infraestrutura urbana, vem em seguida, com R$ 5,9 milhões, financiado com recursos do Ministério do Turismo.

A requalificação do Alto da Sé aparece com a quarta maior fatia, R$ 4,5 milhões, projeto financiado pelo Programa de Desenvolvimento do Turismo (Prodetur), uma parceria entre o Banco do Nordeste (BNB) e o Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID). Nela estão previstas a restauração da caixa d´água, construção de um elevador panorâmico e ordenamento do comércio. E a promessa é não parar por aí. O prefeito Renildo Calheiros (PCdoB, foto) adiantou que vai continuar com suas viagens constantes a Brasília, e pode até aumentá-las, na tentativa de “cavar” novos convênios para Olinda.

“Quando surgiu a pressão pela minha candidatura, eu tive o cuidado de conversar com muita gente em Brasília explicando a situação: que eu tinha um papel importante como deputado para ajudar com recursos a cidade. Sem a minha presença em Brasília, não podemos ter esse fluxo quebrado. Se ficasse escondido, a cidade sofreria com muita dificuldade. Então tenho que estar sempre em Brasília, conversando com ministros, com a bancada, lembrando desse compromisso”, avaliou.

Ele informou que pelo menos mais três convênios devem ser firmados esta semana. Um deles com o Ministério do Turismo, para requalificação da orla no trecho de Rio Doce. (G. O.)


Jornal do Commercio

Olinda: Jacilda vê inoperância e muito marketing


Passados pouco mais de 100 dias do governo Renildo Calheiros (PCdoB), a deputada estadual e ex-prefeita de Olinda Jacilda Urquiza (PMDB, foto) subiu o tom das críticas pela “inoperância” da atual gestão. Segundo a peemedebista – candidata a prefeita que ficou em segundo lugar nas últimas eleições –, Renildo tem feito “puro marketing” com as parcerias, porque elas não vêm produzindo os resultados anunciados.

“Olinda é a capital nacional dos buracos. Não tem um lugar na cidade onde não tenha uma cratera. Se tem as parcerias, o dinheiro está sendo mau aplicado”, dispara. “Esses convênios que ele diz conseguir, na verdade, a União vem firmando com todos os municípios. A verdade é que obras estruturadoras a gente não vê. Na educação, por exemplo: não se faz uma nova escola faz muito tempo”, acrescenta Jacilda.

A deputada aponta a conservação das vias públicas como o “calo” da atual gestão. Segundo ela, há problemas de gerenciamento na execução das obras de recuperação das vias públicas. “Tudo demora demais para ser feito. Qual a razão, se ele diz que o dinheiro chegou? É falta de capacidade de gerenciamento”, afirma. Ela citou a reforma da Avenida Presidente Kennedy como um exemplo de “má gestão”. “A obra se arrasta há muito tempo”, avalia.

Renildo Calheiros reconheceu problemas na conservação das vias públicas. Mas evitou culpar antecessores. “Não temos recursos suficientes para enfrentar os problemas na velocidade que o município precisa. Todos os prefeitos sofreram com a falta de recursos. Então os problemas não eram enfrentados de maneira devida e foram se acumulando. Quando aparece um movimento para tirar a cidade da situação que vivia, há trabalho demais para ser feito”, analisa. Sobre a Avenida Presidente Kennedy, ele afirmou que a dificuldade é que a prefeitura não pode fechar a avenida para realizar a obra, o que retarda sua conclusão.


Jornal do Commercio

sábado, 23 de maio de 2009

Foragido da Justiça é capturado em Olinda

João Barconi

O presidiário foragido da Penitenciária Agroindustrial São João (PAISJ), em Itamaracá, Marcelo Vitor Gomes da Silva, de 23 anos, foi novamente preso, na noite de anteontem, dessa vez, suspeito de ter praticado vários assaltos na cidade de Olinda, dentre eles, o roubo de três carros. O suspeito agiu em companhia de um comparsa que conseguiu fugir depois de ser baleado pela polícia. O segundo envolvido foi identificado apenas como Júnior, e seria ele quem estava portando a arma usada nos crimes. A prisão do rapaz aconteceu na rua H da Nação, no bairro de Bultrins, após uma perseguição de carros entre os bandidos e a polícia, que foi seguida de uma troca de tiros. Apenas o suspeito que conseguiu escapar foi baleado com um tiro na perna.


De acordo com o soldado do 1º Batalhão de Polícia Militar que participou da operação, Ivan Leal, a dupla já havia roubado outros carros. “A perseguição só parou quando colidiu na nossa viatura. Antes desse veículo que foi roubado no Bairro Novo, os suspeitos haviam roubado também um Siena, no bairro de Jardim Fragoso e um Celta em Ouro Preto. Quando eles desceram do carro, o Júnior já começou a atirar, então, revidamos e conseguimos baleá-lo”, disse o policial militar. Todas as vítimas que foram lesadas pela dupla compareceram à Delegacia de Plantão de Olinda, onde prestaram queixas e reconheceram o suspeito.


Na delegacia, foi constatado que o rapaz estava foragido da PAISJ, desde o mês de abril deste ano, e que ele estava respondendo por dois crimes, assalto e homicídio. O delegado de plantão Cleorinaldo Lima autuou Marcelo pelo crime de assalto em seguida conduzido ao presídio.



Folha de Pernambuco

.

Acesse: www.olindaurgente.com.br
no Portal O Nordeste.com: www.onordeste.com

.

sexta-feira, 22 de maio de 2009

Olinda: Cadeiras na calçada

Todas as sextas-feiras, das 18 às 23 horas, no Ateliê da Barbearia - Rua Prudente de Morais 444.

Programação – 22/05/09
Atenção olindense, visitantes e turistas:
• Oficina de Forró nos Quatro Cantos
Prof. Luiz Eduardo Feijão - Todas as Sextas – 20h

Participe da Oficina e aproveite os descontos da
Estação Café e do Ateliê Art & Machê
(localizados nos Quatro Cantos)

• Passagem da Seresta Luar de Olinda.

Ateliês nos Quatro Cantos abertos para visitação.
Serviço de Alimentação e Bebida: Consultório Bar.

Apoio: Prefeitura de Olinda

.

Samba do Rio e de Pernambuco no palco do Mercado Eufrásio em Olinda


Fino Coletivo divide palco com Eddie e Escola de Samba do Preto Velho

Publicado em 22.05.2009, às 14h23
Do JC Online

Tem samba carioca e pernambucano na noite deste sábado (23) em Olinda. O conhecido original Olinda style da banda Eddie divide o palco do Mercado Eufrásio Barbosa (Praça do Varadouro) com o jeito lírico dos cariocas do Fino Coletivo, grupo que promete repertório de swing, loops, levadas e poemas.

Daniel Medeiros, Alvinho Lancellotti, Marcus César, Adriano Siri, Alvinho Cabral e Marcelo Frota conquistaram o público do Sudeste e chegam ao Recife após um pocket-show, mês passado, na Passa-Disco. Trazem na bagagem o prêmio de Grupo Revelação pela APCA (Associação Paulista dos Críticos de Arte), e no Prêmio Rival Petrobras de Música, ambos em 2008.

» Confira outras festas na agenda de shows

A noite, que começa às 22h, ainda conta com a animação da Escola de Samba do Preto Velho.

Os ingressos estão à venda nas lojas Avesso por R$ 20 (estudante e promocional antecipado). No dia do show, na bilheteria, os tíquetes vão custar R$ 40. Informações: 3301.7690.


http://jc.uol.com.br/canal/lazer-e-turismo/noticia/2009/05/22/samba-do-rio-e-de-pernambuco-no-palco-do-mercado-eufrasio-188365.php

Parte do teto de uma casa desaba em Jardim Brasil V em Olinda

De acordo com os bombeiros, desmoronamento ocorreu nesta madrugada e não deixou nenhuma vítima

Da Redação do pe360graus.com

Parte do teto de uma casa desabou na madrugada desta sexta-feira (22), em Olinda, na Região Metropolitana do Recife.

O desmoronamento aconteceu por volta das 2h30, na Rua Maria Teresa, em Jardim Brasil V. De acordo com informações do Corpo de Bombeiros, o desabamento foi pequeno e não houve vítimas.


.

Acesse: www.olindaurgente.com.br
no Portal O Nordeste.com: www.onordeste.com

.

quinta-feira, 21 de maio de 2009

Crise: ciclo de debates continua nesta quinta (21) em Olinda

Nesta quinta-feira, 21, acontece mais um debate do ciclo realizado em Pernambuco com o tema “A crise econômica e os reflexos nas administrações municipais”. O evento, que acontece em Olinda, receberá o secretário de Fazenda do município, Marcelino Granja, e o secretário de Planejamento e Gestão do estado, Geraldo Júlio.

O debate faz parte de uma série de atividades iniciadas em março em comemoração aos 87 anos do PCdoB e pretende colocar em pauta questões importantes para o enfrentamento dos reflexos da crise nas cidades brasileiras.

Parceria do PCdoB-PE e do mandato do deputado estadual Luciano Moura, o evento acontece a partir das 19h na Câmara Municipal de Olinda (Rua 15 de Novembro, 93).



http://www.vermelho.org.br/base.asp?texto=56455

Falta estrutura nas ruas de Olinda


A quantidade de buracos nas principais vias da cidade de Olinda foi denunciada pela deputada Jacilda Urquisa (PMDB, foto). Os principais problemas estão na Avenida Presidente Kennedy, que corta o bairro de Peixinhos; além de Rio Doce, Ouro Preto, Casa Caiada e Jardim Brasil.

Ironicamente, o Programa de Aceleração do Crescimento (PAC) ganhou outro significado. "Tudo indica que a verdadeira representação da sigla é Plano de Aceleração das Crateras", declarou, ontem, a parlamentar, ressaltando que a "ironia" não é uma característica própria, mas, no momento, “necessária”.

"O boneco João Buracão, personagem famoso no Brasil, teria que passar um período muito longo para vistoriar os problemas de Olinda ou se clonar várias vezes para dar conta do recado", pontuou, justificando que seu pronunciamento se deve às constantes reclamações de populares.

Qualidade - A interrupção das obras, entre o Centro de Atenção Integral à Criança (Caic) e o cruzamento da Perimetral Norte, sob a justificativa de ser preciso material mais resistente, também foi citada. "Será que estamos diante de mais uma ação encaminhada de qualquer jeito?", interrogou, acrescentando que o atual Governo é a continuidade da gestão do PCdoB no município.


http://www.fisepe.pe.gov.br/cepe/materias2009/mai/legi10210509.htm

CDL de Olinda apresenta novo Comandante do 1o. Batalhão da Polícia Militar

A Câmara de Dirigentes Lojistas de Olinda, CDL-Olinda, fará realizar na próxima terça-feira, dia 26/05/2009, em nosso auditório, na praça 12 de março, nº36, 1º andar, no Bairro Novo em Olinda-PE, às 19:00 horas, a apresentação do novo Comandante do 1º Batalhão da Policia Militar e da Drª Inalva Regina, Delegada da Regional de Olinda, para que os mesmos conheçam a entidade representativa do comércio olindense.

A sua presença é de fundamental importância, pois deverão ser apreciadas novas informações sobre a segurança do comercio do nosso municipio.


Atenciosamente,


José Ramos de Andrade
Presidente



.

Delegacia do Varadouro em Olinda é roubada




Foto: Reprodução / TV Globo

O crime demorou para ser percebido porque o criminoso arrombou o armário e colocou outro cadeado no local; armas podem ter sido levadas

Da Redação do pe360graus.com

Ainda não se sabe quando nem como, mas a Delegacia do Varadouro (fotos 1 e 2), em Olinda, foi roubada. O crime foi percebido somente ontem. Um armário foi aberto e um novo cadeado foi colocado no lugar. Revólveres e pistolas podem ter sido levados.

O roubo pode ter acontecido no fim de semana. O crime não foi percebido porque quem abriu o armário colocou um cadeado novo no lugar.

Ainda não se sabe o que foi levado, mas o armário guarda material apreendido pela Polícia que ainda poderia ser usado como prova em processos que estão em julgamento. Entre esse material pode haver armas como revólveres e pistolas.

"São restos e cópias de processos, algumas apreensões que algumas vezes a Justiça faz a solicitação que fique na Delegacia. Está sendo feito um levantamento, todo esse material é deviamente registrado e, tendo desaparecido alguma coisa, tendo sido furtada alguma coisa, será facilmetne comprovado, em razão de todo esse material ser devidamente listado", garante a delegada Inalva Regina Cavendish (foto3).

Um levantamento está sendo feito por quatro funcionários para ver o que foi levado.

.

quarta-feira, 20 de maio de 2009

Rua Pedro Barros Pimentel, no Jatobá I de Olinda, pede socorro

Moro Na Rua Pedro Barros Pimentel, Bairro de Jatobá I Olinda.

Consta nos registros da prefeitura de Olinda que esta rua é calçada , porem na realidade só 04 metros iniciais da rua é calaçada.

Como minha casa é no alto da ladeira e a pista é de barro, com essas chuvas é impraticavel subir com o carro, tendo que deixar na rua transversal me sujeitando a roubo, ...Gostaria de solicitar ao menos que passar um amaquina na rua para aliviar os buracos e poder transitar com o carro,

Como trabalho o dia todo ...não tendo tempo para ir na Prefeitura , fico de mãos atadas , vc tem alguma opnião ..informação ..indicação para poder resolver esse terrivel problema..esta um caus agora que imagina quando começar o inverno .

Aguardo Contato ,

Keila Roberta


.

'The Wailers', ex-banda de Bob Marley, faz show em Olinda neste fim de semana


A banda volta a Pernambuco após dez anos; a apresentação será no Mercado Eufrásio Barbosa neste domingo (24)

Da Redação do pe360graus.com

Os fãs pernambucanos de reggae têm muito que comemorar neste mês de maio. Além dos shows semanais na Terça Negra em homenagem a Bob Marley, vem ao Estado, após dez anos, a banda “The Wailers”, que acompanhou o maior expoente do ritmo jamaicano durante a sua carreira. A banda se apresenta no Mercado Eufrásio Barbosa neste domingo (24), a partir das 17h.

Em 1981, após a morte de Bob Marley, a banda continuou em atividade até os dias atuais. Até hoje o grupo conta com membros remanescentes dos primórdios do reggae, incluindo os guitarristas Junior Marvin e Al Anderson e o tecladista Earl “Wire” Lindo.

Na mesma noite, também sobem ao palco as bandas “Manga Rosa” e “Raiz Dubem”. Os ingressos antecipados custam R$ 20 e estão à venda nas lojas Urban Wave , Secret Point, Destroy e Bob Nick.

Mais informações pelos telefones (81) 3465-6783 3221-0421.


SERVIÇO:
The Original Wailers

Quando: domingo (24), a partir das 17h
Local: Mercado Eufrásio Barbosa - Avenida Sigismundo Gonçalves, s/n, Varadouro, Olinda

.

CCLJ aprova concessão de área para casas populares em Olinda

Terreno, no bairro de Peixinhos, contabiliza 18 mil metros quadrados

Uma iniciativa que pretende diminuir o déficit habitacional de Pernambuco foi aprovada ontem, por unanimidade, pela Comissão de Constituição, Legislação e Justiça (CCLJ) da Alepe. O Governo do Estado doou à Companhia Estadual de Habitação e Obras (Cehab) uma área de 18 mil metros quadrados, em Olinda, no Grande Recife, para a construção de casas populares. O terreno está situado na Avenida Luiz Correia de Brito, no bairro de Peixinhos. A medida faz parte do Programa Minha Casa, Minha Vida, do Governo Federal.

“A proposta é importante porque mostra a sensibilidade do Poder Executivo em relação à falta de moradias em Pernambuco. Poucas áreas em Olinda podem ser utilizadas para a construção de residências, devido à pequena extensão territorial. As pessoas mais carentes serão contempladas”, avaliou o presidente do colegiado, deputado André Campos (PT).

O grupo aprovou, também, um projeto de resolução de autoria do líder da bancada oposicionista na Casa, deputado Augusto Coutinho (DEM), concedendo Título de Cidadão de Pernambuco post-mortem ao mestre de campo Antônio Dias Cardoso, um dos principais líderes da Insurreição Pernambucana. Na justificativa, o integrante do Democratas argumentou que o gesto visa reconhecer a atuação de Antônio Dias na luta contra os invasores holandeses.

“Sua contribuição foi decisiva para a história do Brasil. Participou de diversos combates contra os holandeses, obtendo destaque e vitória nas memoráveis Batalhas do Monte das Tabocas e de Casa Forte”, observou Coutinho, acrescentando que, para propor a homenagem, consultou várias entidades conhecedoras das histórias do Brasil e de Pernambuco.


http://www.fisepe.pe.gov.br/cepe/materias2009/mai/legi01200509.htm

Olinda: Forró do Virgulino

Buracos e lama tomam conta de rua do Jardim Fragoso em Olinda

Moradores da Rua Novo Dia, em Jardim Fragoso, não aguentam tantos buracos e lama.


.

Olinda: Parceria Prefeitura e Moradores. E o vereador?


ALGUEM PODE ME EXPLICAR?

As pessoas que acompanham as postagens neste TAM lido e domocratico BLOG, pode me explicar como acontece a parceria para pavimentação de rua no bairro de Ouro Preto.

Pelo que sei. Nestas parcerias os moradores colocam o material necessário a disposição da Prefeitura que oferece a mão-de-obra ou a empresa contratada para realizar a pavimentação

E O VEREADOR PAGA O QUE?

Sei que depois da rua calçada ele só coloca a faixa.

Alguém pode me explicar quanto ele gasta em dinheiro.

Alguém pode me explicar isso?

HILDERNARDO (NADINHO do caranguejal).


Morador de Ouro Preto

Morre ex-vereador de Olinda Ulisses Ferreira Lima

Faleceu, ontem (segunda-feira 19/5/2009), o ex-vereador de Olinda Ulisses Ferreira Lima, o "Distinto".

O sepultamento do corpo do vereador Ulisses Ferreira Lima será realizado nesta terça-feira, às 14 horas, no Cemitério do Guadalupe, em Olinda. ônibus para transporte da comunidade na frente da Igreja Batista de Peixinhos.


.

terça-feira, 19 de maio de 2009

Aracaju, Olinda e Juazeiro, laboratórios da ação do PCdoB

O PCdoB reuniu neste domingo (17) duas dezenas de quadros para debater um tema estratégico: como impulsionar a ação partidária nas três maiores cidades que elegeram prefeitos comunistas em outubro passado – Aracaju (SE), Olinda (PE) e Juazeiro (BA). O dia de intenso debate, na capital sergipana, revelou que estas cidades podem ser laboratórios da construção partidária, com enormes possibilidades nas áreas de comunicação, formação e organização.


Participaram do encontro presidentes e membros do secretariado dos Comitês Municipais das três cidades, e também dos respectivos Comitês Estaduais. A discussão se apoiou nos ensinamentos do marxista italiano Antonio Gramsci (1891-1937) sobre disputa e conquista de hegemonia pelos partidos comunistas.


Adalberto Monteiro, secretário nacional de Formação e Propaganda, destacou que se trata de uma questão nova para o PCdoB. Em 87 anos de existência, na grande maioria constrangido à clandestinidade, pela primeira vez o Partido Comunista está à frente de 41 administrações municipais. "É escassa a nossa experiência de governar", disse Adalberto, que defendeu "uma sinergia maior do Comitê Central com estas cidades".


A reunião constatou a grande diferença entre as três realidades em pauta: Aracaju, uma capital de estado; Olinda, uma grande cidade da Região Metropolitana do Recife (onde o PCdoB governa também em Camaragibe); e Juazeiro, município de porte médio e pólo de toda uma região do Vale do São Francisco. Olinda elegeu pela terceira vez consecutiva um prefeito do PCdoB, Renildo Calheiros. Em Aracaju, o prefeito Edvaldo Nogueira assumiu o cargo em 2006 e reelegeu-se em 2008. Já em Juazeiro, Isaac Carvalho governa desde janeiro último, após vencer nas urnas uma administração petista.


Olinda trouxe para o debate um lema construído no município em 2007: que é preciso construir "um partido para além da administração". Na Prefeitura há oito anos, que somarão 12 com o mandato em curso, o PCdoB olindense não admite a condição de apêndice da administração e trabalha por um projeto estratégico que avance mesmo na eventualidade de deixar o comando da administração.


A consigna não implica em subestimar o significado político de estar à frente da Prefeitura. Antes de eleger Luciana Santos prefeita, em 2000, a seção olindense do PCdoB era relativamente pequena. Oito anos depois, ela não só elegeu Renildo no primeiro turno, com 56% dos votos; também fez a maior bancada, quatro vereadores, com a maior votação, 40 mil votos, o dobro do segundo colocado; o PCdoB olindense conta com 2.200 filiados e 1.500 militantes; a base de apoio do prefeito compreende dez partidos e todos os 17 vereadores da cidade; não há um só vereador que faça oposição.


A reunião de domingo visou localizar os instrumentos e meios para seguir e desenvolver este exemplo, dotando as seções locais de fortes raízes político-ideológicas, organizativas e de massas. O sentido das ações é não só a defesa e a vitória das gestões administrativas mas também a perseguição do projeto estratégico do partido, como frisou Marcelino Granja, olindense e membro do Comitê Central do PCdoB.


A discussão evidenciou as grandes demandas na comunicação. Constatou também o potencial da comunicação via internet, por seu custo-benefício altamente favorável. E salientou o papel do rádio como veículo de grande penetração de massas nas três realidades. Travou-se um interessante debate sobre o conteúdo editorial das ações do PCdoB nestas realidades específicas, que não deve ser nem "imparcial" e nem "chapa-branca".


A área de formação colocou como meta a implantação de unidades da Escola do Partido nas três cidades. E também das seções locais da Fundação Maurício Grabois, visando estreitar o diálogo com a intelectualidade avançada e avançar na elaboração teórica sobre a realidade local. Na esfera da organização, destacou-se a filiação e a estruturação das Organizações de Base do partido com existência real e permanente.


A reunião descortinou toda uma agenda de trabalho, combinando tarefas e respondabilidades municipais, estaduais e nacionais, prenhe de estimulantes possibilidades. "Chegou a hora de capitalizar", observou Álisson Rone, presidente do PCdoB-SE, sobre a situação em Aracaju.


De Aracaju,
Bernardo Joffily

.

Olinda: Ex-presidiário é baleado nas costas em Peixinhos

Crime aconteceu durante a noite; homens em uma moto invadiram a casa da vítima e a atingiram com dois tiros

Da Redação do pe360graus.com

Um ex-presidiário foi baleado na noite desta segunda-feira (18) em Olinda, Região Metropolitana do Recife. O crime aconteceu por volta das 22h30 na Rua Vertentes, no bairro de Peixinhos.

De acordo com a polícia, dois homens em uma moto invadiram a casa de um homem identificado apenas como José Eduardo, também conhecido como "Dudu" ou "Peba", e atiraram contra ele. A vítima foi atingida por dois tiros nas costas.

Segundo informações dos agentes, José Eduardo já tinha passagem pela polícia por porte ilegal de arma. Ele foi encaminhado ao Hospital Getúlio Vargas (HGV), no Recife. A polícia trabalha com a hipótese de acerto de contas.

.

segunda-feira, 18 de maio de 2009

Olinda: Campanha - "Negociar Sexo com Criança e Adolescente é Crime"

O vereador Marcelo Santa Cruz, convida V.Sa para Audiência Pública, onde será lançada a campanha: "Negociar Sexo com Criança e Adolescente é Crime"

Data: 20 de maio de 2009
Horário: 10h
Local: Plenário da Câmara Municipal de Olinda
Endereço: Rua 15 de Novembro, N° 93, Varadouro, Olinda
Fones: 3494-5544 / 3439-1966 - R. 243

.

domingo, 17 de maio de 2009

Olinda: cadê o calçamento da Rua Batalha de Tuiuti?

Enganação eleitoreira

Notícia bastante esperada pelo povo do Alto Nova Olinda chegou através de uma placa da Prefeitura de Olinda com a informação: Obra do Calçamento da av. Batalha do Tuiutí, valor: R$ 537.000,00, em execução. Reporto-me a janeiro de 2008, época eleitoreira e, como não poderia deixar de ser, devido ao grande número de candidatos presentes quase que diariamente naquele tira e bota de meio-fio, e o povo acompanhando tudo com sua sabedoria, já notando que não passava de uma enganação do momento oportuno. Hoje, a obra continua como antes, ou seja, nada foi feito. Portanto, senhora secretária de Obras, Hilda Gomes, esperamos por uma declaração sua, pois o povo merece o seu devido respeito sem demagogia e enganação.


Severino Robrigues
Olinda/PE

Folha de Pernambuco

Passarelas do Complexo de Salgadinho em Olinda

Deu na coluna "JC Nas Ruas" do "Jornal do Commercio":

HERANÇA INDESEJÁVEL

As passarelas do Complexo Salgadinho, na Avenida Pan Nordestina, Olinda, foram retiradas no ano passado pelo DER. Mas as estruturas de sustentação ficaram como uma herança indesejável que enfeia a avenida. Não dá para removê-las também?


.

Olinda: Adolescente baelado em Jardim Atlântico passa por cirurgia no HR

Seu estado de saúde é estável; não há previsão de alta

Da Redação do pe360graus.com

O adolescente que foi baleado na noite da sexta-feira (15), Rafael Fonseca da Silva, 19 anos, está internado no Hospital da Restauração. Seu estado de saúde é estável. Ele está internado na enfermaria da unidade de saúde após ter passado por cirurgia. Não há previsão de alta.

Rafael da Silva foi atingido com um tiro no braço e outro na barriga quando saia com um amigo de uma festa, numa escola particular em Jardim Atlântico, em Olinda. Ao autores do disparo foram dois homens.

Para se proteger, Rafael da Silva tentou entrar na escola novamente, mas foi impedido pelo seguranças do local. Em seguida, ele pulou o muro de três metros da unidade de ensino e acabou quebrando a perna. O adolescente foi atingido por dois tiros, um no braço e outro na barriga. O amigo que estava com ele, Felipe Fabrício Santos Batista, 19, foi ferido de raspão nas costas.

.

Olinda: Zépiline - Tubarões ameaçam a galera



Placa indicando o perigo. Foto: Guga Soares.

Por Guga Soares em 16/05/2009 00:03

Na praia de Zé Pequeno, em Olinda (PE), todos esperavam ansiosos os meses de maio, junho e julho chegar para fazer um surf clássico no famoso beach break pernambucano.

Situada no Bairro Novo Olinda (PE), o local foi batizado com esse nome devido a um restaurante que funcionava bem em cima do pico cujo nome era o mesmo. A pequena praia é frequentada, desde a década de 70, por vários surfistas olindenses que carinhosamente a chamam de “Zépiline”.

De lá saíram nomes consagrados do surf olindense, como Renato Lisboa “Bolinho”, Zé Antônio, Gustavo Rocha, Dinho, Fernando Pereira "Bactéria", Irajá Neto, Guga Soares, Mateus Sá, Iuri Alves, Júlio Pereira "Juba", Eduardo Formiga, Carlos Pito, Iaponã e Akira Júnior.

Bombeiros em ação em Zépilne (PE). Foto: Guga Soares.Tudo isso agora só fica na lembrança. Depois de dois ataques em menos de um ano, um deles fatal, na praia próxima a Zépiline, chamada Delchifre, o surf não é mais o que era.

Não há registro de que a prefeitura de Olinda, juntamente com o Governo do Estado, tenham feito alguma campanha educativa no local, mas apenas uma placa de aviso foi colocada na areia e os bombeiros foram acionados para tomar as pranchas de quem surfar no local. E os bombeiros tomam pranchas com violência, como se surfistas fossem bandidos.

Mas para a nova geração de surfistas locais, nem a placa indicando que ali há tubarões, nem os bombeiros que estão a postos tomando pranchas quase diariamente, espantam o crowd que ignora o perigo motivados por uma paixão, o surf.

Graças a Deus que Zé Pequeno ainda não entrou para as estatísticas de praias pernambucanas que tiveram ataques, pois lá com placa ou sem placa, com bombeiro ou sem bombeiro, predomina a cultura do surf proibido.



Fonte: SurfPE

.

Greve de professores de Olinda prejudica 27 mil alunos


A greve dos professores da rede municipal de ensino de Olinda, desde a última terça-feira, motivou o pronunciamento da deputada Jacilda Urquisa (PMDB, foto). Um total de 1.300 docentes aderiram à paralisação, deixando 27 mil alunos sem aula. A greve tem por objetivo fazer com que a Prefeitura cumpra o pagamento do piso salarial de R$ 1.132,00, estabelecido pela Lei Federal nO 11.738/08. Além de implantar e definir o Piso Nacional, a medida determina que o professor reserve um terço da carga horária de trabalho para atividades de preparação de aulas, estudo e acompanhamento de alunos.

Segundo Jacilda, no início de sua gestão, a categoria teve aumento substancial, quando foi implantado o Plano de Cargos, Carreiras e Vencimentos para os servidores da administração municipal. "Na época, o salário mínimo era R$ 120,00 e o piso do professor municipal era R$ 244,00. Com o PCCV, elevamos a remuneração dos que atuam no Ensino Fundamental para R$ 455,00 e dos profissionais com Especialização para cerca de R$ 640,00. Os valores tornaram Olinda referência estadual e nacional. Era um dos municípios que melhor remuneravam os educadores", observou.

Os reajustes promovidos pelas gestões atual e passada, somados durante os oito anos, não chega a R$100,00, de acordo com os professores. "A atual administração previa incorporar dois terços do piso nacional, a partir de janeiro deste ano, mas, até o momento, não o fez. Muitos recebem abaixo do salário mínimo de R$ 465,00", lamentou a peemedebista

A parlamentar citou pesquisa realizada pela Revista Exame, apontando que a arrecadação da Prefeitura aumentou 120%, entre 2002 e 2006. "Nutrir a desculpa que Olinda não possui capacidade financeira para suportar o impacto, não convence. Também não podemos dizer que a implantação da Lei do Piso exija gastos educacionais elevados, porque se a educação for prioridade, a obrigação é reorganizar o Orçamento", argumentou.


http://www.fisepe.pe.gov.br/cepe/materias2009/mai/legi14150509.htm
.

Olinda: Uma aula sobre o mangue registrada em fotografias


Projeto pedagógico leva alunos de escola estadual de Olinda a explorar o ecossistema de forma prática

Thatiana Pimentel // Especial para o Diario

Livros trocados por caranguejos. Ao invés de cadeiras, lama. No lugar de paredes, árvores. Essa foi a aula que cerca de 70 estudantes do ensino fundamental II da escola estadual Inês Borba, em Olinda, tiveram na última semana. Os meninos e meninas, de 12 a 16 anos, exploraram o mangue de Rio Doce com o objetivo de desenvolver uma pesquisa sobre o ecossistema e documentar tudo através de uma exposição fotográfica com 200 fotos em preto e branco, que será realizada até o fim do mês na própria escola e, em junho, no hall da Universidade Federal de Pernambuco (UFPE).

A iniciativa faz parte do projeto pedagógico O mangue por trás das câmeras, idealizado pela professora de português Tatiana Campos que busca traçar com os estudantes um paralelo entre o mangue e as condições socioeconômicas das pessoas que sobrevivem do ecossistema. "A experiência, o empirismo, é comprovadamente uma das melhores maneiras de conhecermos algo novo. Além da visita ao mangue, utilizamos como fonte de pesquisa as músicas de Chico Science, textos de Josué de Castro e publicações científicas", explica a professora.

A ideia de transformar a pesquisa em um material de memória, com o uso das fotografias, permite que a experiência também chegue aos outros 450 alunos da escola. "Nosso objetivo principal é promover a cidadania. Quando o aluno conhece a vida fora dos muros da escola, ele se sensibiliza mais com a questões do meio ambiente e muda sua visão sobre a realidade vivida pelos moradores da localidade. Os preconceitos desaparecem", ressalta Tatiana.

O projeto começou no ano passado e reuniu mais de 240 fotografias, que ficaram expostas na Gerência Regional de Educação. Para o trabalho no mangue de Rio Doce deste ano, os estudantes pesquisaram como vive a população e quais as especificidades da vegetação. Além disso, eles aprenderam sobre a linguagem da fotografia e estudaram gêneros textuais sobre a temática. "Nem parecia aula. Pudemos tirar fotos, brincar na lama e tomar banho de rio. Quando cheguei em casa, passei a tarde inteira contando sobre o que vi para minha avó", comenta, entusiasmado, André Ferreira, 16, que também foi um dos monitores escolhidos pela professora para ajudar no passeio e escolher, entre 500, as fotos que serão expostas.

O trabalho fotográfico baseia-se no projeto de antropologia virtual Balinese Character: A Photographic Analysis, que foi desenvolvido em Bali, no vilarejo de Bajoeng Gede, Indonésia, entre junho de 1936 e fevereiro de 1938, pelos antropólogos Margaret Mead e Gregory Bateson. O resultado foi a reunião de 25 mil negativos fotográficos e quase 7 mil metros de película cinematográfica que deram origem ao livro Balinese Character.


http://www.diariodepernambuco.com.br/2009/05/17/urbana12_0.asp

sábado, 16 de maio de 2009

Rapaz ferido em tiroteio em Olinda está internado e passa bem

Rafael Fonseca saía de uma festa numa escola, com um amigo, quando foi baleado duas vezes

Da Redação do pe360graus.com

Está internado num hospital do Recife o rapaz Rafael Fonseca da Silva, 19 anos, atingido por disparos na noite da última sexta (15), quando saía de uma festa, numa escola particular em Olinda, na Região Metropolitana. Segundo informações da assessoria de imprensa da unidade de saúde, ele passou por cirurgia e está em situação estável.

De acordo com a polícia, ele saía da festa com um amigo, Felipe Fabrício Santos Batista, também de 19 anos, quando dois homens ainda não identificados realizaram vários disparos contra Rafael Fonseca.

Para se proteger, o rapaz tentou entrar na escola novamente, mas foi impedido pelos seguranças do local. Em seguida, ele pulou o muro de três metros da unidade de ensino, que fica no bairro de Jardim Atlântico, e acabou quebrando a perna.

Rafael Fonseca foi atingido por dois tiros, um no braço e outro na barriga. Felipe Batista foi ferido de raspão nas costas.

.